Como criar nomes para loja virtual de cosméticos, roupas e muito mais

O mercado de lojas online no Brasil está proliferando. E nessa onda, há quem já tenha percebido o bom negócio e deseje criar a sua também. Fizemos um apanhado com dicas feitas especialmente para quem quer criar nomes para loja virtual de cosméticos, roupas ou quaisquer outros itens que são campeões de vendas na rede.

Aprenda mais sobre Identidade Visual.

Na busca por um bom nome, apropriado para o seu negócio, pense cuidadosamente sobre os produtos vendidos e as usuárias compradoras.

Um bom nome de negócio, acompanhado por um slogan que explique sinteticamente sobre o que é o determinado negócio, pode ser fundamental para tornar a sua marca memorável. E, consequentemente, a sua loja online ser buscada e lembrada em todas as redes e buscadores.

Sobre nomes para loja virtual de cosméticos

Pesquise o máximo que você puder

Nossos primeiros passos tendem a ser mais limitados na hora de criar nomes para loja virtual de cosméticos, roupas, entre outras variedades de negócios. É preciso pensar nas categorias que nossos produtos/serviços estão inseridos, logo de cara.

Muitos nomes interessantes foram criados intuitivamente no mundo. Num lampejo de criatividade da pessoa, nomes foram criados, mesmo não sendo nem um pouco auto-explicativos. Empresas de tecnologia, como Apple, Orange e Windows são bons exemplos disso.

Um ótimo exercício nesse início é observar cuidadosamente os nomes comerciais de todos os seus concorrentes. TODOS! Sim, pesquise-os e liste todos eles para se inspirar. Depois, sugira alguns nomes numa lista em paralelo. Para finalizar, veja se o nome criado por você pode aparecer mais do que os outros competidores no mercado.

Pesquisando sobre o nome da loja virtual
Pesquisa bastante antes de começar a dar o passo final.

Convencional ou ultra criativo: como pensar na hora de criar nomes para loja virtual de cosméticos ou produtos variados

Criar nomes para loja virtual de cosméticos, roupas e variedades deve ser um processo divertido! Apesar das dificuldades, permita-se combinar e recombinar palavras, criando palavras únicas e fáceis de lembrar.

Há empresas que obtiveram grande sucesso por causa de nomes únicos e peculiares. Empresas como a Amazon.com ou Google.com são algumas delas.

Se você optar por manter palavras familiares e comuns, ou se quiser usar uma frase completamente nova, tente sempre vinculá-las aos valores e objetivos de sua empresa. Seus possíveis clientes certamente responderão mais positivamente a nomes deste tipo.

Nomes sintéticos têm maior lembrança

Sintético é curto. Quatro a seis letras que consistam no nome do seu negócio ajudam muito quando se tratam de marcas que precisam ser lembradas facilmente.

Nomes mais curtos não são apenas fáceis de lembrar, mas também fáceis de digitar. Considere também o número de sílabas contidas em cada palavra escolhida. Lembre-se: menos é mais.

Ortografia: como se escreve o nome de sua empresa

Fale em voz alta o nome de sua empresa. Pense nele e em todas as formas de ser explicado. Deve haver apenas uma maneira de soletrar o nome do seu negócio, sem confundir seus clientes, sempre trazendo clientes potenciais para perto.

Não invente na ortografia. Os substitutos ortográficos podem fazer com que seus prospects e clientes caiam em outra loja online ao pesquisar.

Um exemplo simples: ao invés de “Jóias de Kristine” a usuária cai no site “Jóias de Christine”. Se ela não vier na certa, o resultado é que você perdeu uma venda.

Whois: o nome de domínio está disponível?

Agora que você já tem um potencial nome em mãos, certifique-se de que ele ainda não foi registrado como um domínio .com.br, .br, ou o domínio que você desejar.

Um bom site para verificar é o WHOIS. Nele você também poderá ver as informações sobre o usuário que registrou um domínio e não o usa, por exemplo.

Aconselho também a registrar as alternativas do nome desejado. Verifique a disponibilidade de todas as extensões de seu domínio e veja se vale a pena comprá-los. Em casos de .com e .com.br é sempre interessante e o custo/benefício é altíssimo, dado o baixo valor de algumas extensões.

Mãos à obra!

Não há certeza quando se cria um nome. Aliás, uma presença online eficaz começa no nome, mas depende de vários outros pontos em sua estratégia digital.

Agora, com um nome em mãos, é hora de começar a vender.